5 de out de 2010

Bibelots na MAKE - Almofada de Leitura Missoni

    
         
Em agosto (2010), recebi um convite muito especial e desafiador. Veio da querida Rita Paiva, da Revista Make, que me pedia um mimo Bibelots no estilo Missoni.

Com o tempo disponível, não pude encontrar o tecido com estampas características, mas apostei nas listas e na “técnica seminole” do Patchwork para dar duas opções à Rita.

Fiz uma “Almofada de Leitura” com um tecido listrado bem interessante e um lenço com a mencionada técnica do patchwork.

A almofada foi publicada e a produção do lenço me rendeu um PAP muito bacana que eu vou compartilhar com vocês em breve.


A Almofada já era um produto Bibelots, de grande sucesso inclusive. Serve para tornar a leitura mais confortável, pois vem com fitas e elásticos que permitem prender o livro e acomodá-lo melhor. Ela também tem um compartimento para lápis (incluso!).

Sobre a Missoni, é importante dizer que na década de 50, o casal Rosita e Ottavio Missoni começou a produzir tricôs coloridos, que foram vendidos para diversas marcas. As coordenações criativas de tons, e a qualidade do material e tramas vendia tanto que, na década de 70, o casal resolveu comercializá-las sob sua própria marca. Desde então, o estilo Missoni permanece tão elegante, quanto atual, e as propagandas de antes se confundem com as de hoje – tamanha a contemporaneidade do produto.

A característica principal do produto Missoni é a diversidade de cores tramadas em tricô fino, geralmente em listras que não são necessariamente retas, mas sempre harmônicas. Além das malhas, a marca assina uma diversidade muito grande de produtos.

Em uma declaração dada no Brasil, Margherita Missoni – neta dos fundadores da marca italiana – explicou que o sucesso dos negócios está baseada no sucesso da família. Ela disse que tudo que é feito pela Missoni é inspirado no “lifestyle” dos que têm esse sobrenome: "o segredo é ter uma boa família, boa comida, uma casa no sol – e fazer roupas com esse espírito: coloridas, confortáveis, alegres." Diz que a filosofia da família (leia-se vovó Rosita!) sempre foi "viveronde e como ela gostaria de passar os fins de semana".

4 de out de 2010

Bibelots na MAKE 18 - Edição de Aniversário


A Bibelots participou da Edição de Aniversário (nº 18) da Revista MAKE, que está nas bancas desde agosto.

A revista está incrível, como sempre; e, desta vez, a Bibelots teve dois produtos em destaque.

Além dos ORGANIZADORES DE MALA MASCULINOS (porta meias e cuecas) que são fruto da parceria entre a nossa loja e a marca Passamanaria, a vitrine da revista também deu destaque para a ALMOFADA DE LEITURA Bibelots, que é um dos mimos de maior sucesso da nossa loja virtual.

No próximo post, falarei mais sobre a ALMOFADA que foi criada, com exclusividade, para esta edição da Revista.

1 de out de 2010

O LAÇO E O ABRAÇO


O LAÇO E O ABRAÇO
Mário Quintana

Meu Deus! Como é engraçado!
Eu nunca tinha reparado como é curioso um laço... uma fita dando voltas.
Enrosca-se, mas não se embola, vira, revira, circula e pronto: está dado o laço. É assim que é o abraço: coração com coração, tudo isso cercado de braço. É assim que é o laço: um abraço no presente, no cabelo, no vestido, em qualquer coisa onde o faço.
E quando puxo uma ponta, o que é que acontece? Vai escorregando... devagarzinho, desmancha, desfaz o abraço.
Solta o presente, o cabelo, fica solto no vestido.
E, na fita, que curioso, não faltou nem um pedaço.
Ah! Então, é assim o amor, a amizade.
Tudo que é sentimento. Como um pedaço de fita.
Enrosca, segura um pouquinho, mas pode se desfazer a qualquer hora, deixando livre as duas bandas do laço. Por isso é que se diz: laço afetivo, laço de amizade.
E quando alguém briga, então se diz: romperam-se os laços.
E saem as duas partes, igual meus pedaços de fita, sem perder nenhum pedaço.
Então o amor e a amizade são isso...
Não prendem, não escravizam, não apertam, não sufocam.
Porque quando vira nó, já deixou de ser um laço!
Related Posts with Thumbnails